Diferentes tipos de fome, saiba diferenciá-los e ganhe em saúde

Artigos

Embora muitas pessoas não saibam, existem vários tipos de fome. Nem toda fome é uma resposta fisiológica do nosso organismo e para alcançar um equilíbrio no âmbito de saúde, compreender as diferenças entre esses sentimentos é algo mais do que fundamental.

Há uma série de estudos falando dos mais variados tipos de fome existentes, e é exatamente sobre essas variações que o artigo de hoje fala. Ficou curioso? Então não deixe de ler o conteúdo a seguir!

Diferentes tipos de fome: Conheça todos eles

Sentir fome é algo um tanto quanto vago. Quem nunca disse a célebre frase: “Eu estou com fome de algo específico (pode ser chocolate, bolo, salada, etc.)”. Esse tipo de fome de “alguma coisa”, é chamada de fome específica.
Os diferentes tipos de fome são:

  • Fome específica;
  • Fome emocional;
  • Fome social;
  • Fome fisiológica.

A seguir falaremos sobre cada uma delas, confiram.

Fome específica

Trata-se do sentimento de fome totalmente relacionada ao prazer, onde a pessoa tem o desejo de sentir determinado gosto, degustar um alimento específico, como uma receita de infância, ou uma preparação culinária pela qual sente grande apreço. Esse tipo de fome não é urgente.

Fome emocional

A fome emocional é definida como a necessidade de ingerir algo gostoso. Ela não se satisfaz com a ingestão de pequenas quantidades de alimento, ela normalmente surge com grande volume e certa urgência.
Normalmente esse tipo de fome se origina em um acúmulo de vontades que não foram respeitadas e/ou então aceitas, em geral causados por uma dieta restritiva (algo muito na moda nos dias de hoje). Dessa maneira, é comum que quem sinta esse tipo de fome acabe por se alimentar de modo impulsivo, sem saborear o que está comendo e até mesmo misturar sabores que possam ser incomuns.

Fome social

Esse tipo de fome está diretamente relacionado a uma situação social. Como o próprio nome sugerem a fome social está diretamente relacionada a uma ocasião social, onde se come de maneira automática, sem perceber, de forma totalmente inconsciente, pelo simples fato do alimento estar disponível.

A fome social é bastante comum em datas comemorativas como páscoa, natal ou em situações especiais, como casamentos e aniversários, por exemplo.

Fome fisiológica

A fome fisiológica é a fome celular, ou seja, é a fome do organismo quando tem a necessidade de receber alimentos. Esse tipo de fome não é específico, portanto, qualquer alimento disponível e que a pessoa considere saboroso será capaz de causar saciedade.

Atentar-se ao tipo de fome que você sente é fundamental para saber lidar com esse sentimento e manter sua saúde.

Praticar uma alimentação prazerosa auxilia a mantermos o equilíbrio do organismo e dessa forma evitar excessos desnecessários e lesivos. Um nutricionista pode te ajudar a compreender mais essa questão.

Conhecia os diferentes tipos de fome? Ainda possui alguma dúvida?

Fonte: Murilo Camano, nutricionista especialista em Nutrição Esportiva

Publicado em 27 abril de 2018